Paredes: Prisão preventiva para homem de 73 anos que alegadamente abusava de enteada com deficiência

Paredes: Prisão preventiva para homem de 73 anos que alegadamente abusava de enteada com deficiência

Foi ouvido no tribunal de Marco de Canaveses o homem de 73 anos acusado de abusar sexualmente de uma mulher de 38 anos, portadora de deficiência, em Paredes.

O tribunal declarou que o homem fica em prisão preventiva pelos atos que alegadamente terá cometido à filha da companheira.

Os abusos sexuais terão acontecido na residência de ambos, em Paredes. Tais factos foram descobertos após uma denúncia de uma instituição onde a vitima passava os dias.

A Polícia Judiciária tomou conhecimento de que o suspeito há vários anos vinha praticando atos de natureza sexual e de violência doméstica sobre a mesma.

 

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta