Penafiel: Lúcia Alves viveu momento marcante nas Quinas de Ouro a representar o Valadares Gaia FC

Penafiel: Lúcia Alves viveu momento marcante nas Quinas de Ouro a representar o Valadares Gaia FC

Lúcia Alves, natural de Penafiel, vestiu-se a rigor para viver aquele que descreve como “um dos momentos mais marcantes” da sua vida. Esteve pela primeira vez nas Quinas de Ouro, como uma das pertencentes ao 11 nomeado para a Equipa do Ano.

Foi, juntamente com a sua mãe, de Penafiel até Lisboa, representar com as suas antigas colegas de balneário o Valadares Gaia FC, equipa nomeada para as Quinas de Ouro, na categoria de “Equipa do Ano-Futebol Feminino”, tendo em conta que ficaram na época passada em sexto lugar no campeonato e foram finalistas da Taça de Portugal.

Depois de ver Cristiano Ronaldo sagrar-se vencedor na categoria de “Jogador do Ano- Masculino” e Jéssica Silva “Jogadora do Ano – Feminino”, a emoção de estar presente numa gala como a de ontem “é muita”. 

” Ainda não tenho palavras para descrever o que é estar no 11 de Portugal. Um sentimento único no qual quem me conhece sabe o quanto trabalhei para um dia conseguir este feito”, explicou Lúcia Alves. Agradeceu o apoio das colegas com que partilhou o balneário antes de ingressar no SL Benfica, equipa na qual Lúcia Alves é atualmente jogadora.

“Estou aqui a representar todas as miúdas que lutam diariamente para o futebol feminino, é continuar a crescer como têm crescido”, disse, dando força a todas aquelas que têm o mesmo sonho que durante anos alimentou Lúcia e que hoje lhe dá frutos.

Lúcia Alves com a mãe nas Quinas de Ouro, ontem à noite

Mas as últimas palavras da noite foram para a sua família: Não esquecer nunca a minha família, a minha mãe, o meu pai, o meu irmão e a minha cunhada por estarem lá nos momentos mais difíceis. E por último agradecer ao meu braço direito, a pessoa mais incrível que poderia ter aparecido na minha vida. A pessoa que acima de tudo eu considero dos meus melhores amigos, o meu Ricardo Pinto”. 

A fotografia ao lado da mãe foi publicada nas redes sociais, em jeito de agradecimento pelo apoio da família na carreira da futebolista natural de Penafiel.

Embora não tenham conseguido sair da noite de ontem vitoriosas – já que a vencedora foi o SL Benfica, onde Lúcia joga agora – a mesma mostrou-se satisfeita pelo resultado até então obtido. Deixou ainda a promessa ao Benfica de “um futuro risonho” e de que tudo fará para que, para o ano, algum dos troféus individuais lhe sejam atribuídos mas, “principalmente os coletivos. Domingo há uma final para ganhar e para comer a relva do início ao fim”, acrescentou. 

Lúcia Alves vai jogar esta época pelo SL Benfica

Outros premiados da noite nas Quinas de Ouro:

Jogador do Ano – futebol masculino:

Cristiano Ronaldo (Juventus)

Treinador do Ano – futebol masculino:

Bruno Lage (Benfica)

Equipa do Ano – futebol masculino:

Benfica

Treinador do Ano – formação:

Mário Silva (FC Porto Juniores A em 18/19)

Equipa do Ano – futebol feminino:

Benfica

Jogadora do Ano – futebol feminino:

Jéssica Silva (Lyon)

Treinador do Ano – futebol feminino:

Miguel Santos (SC Braga)

Jogador do Ano – futsal masculino:

Ricardinho (Inter Movistar)

Treinador do Ano – futsal masculino:

Joel Rocha (Benfica)

Equipa do Ano – futsal masculino:

Benfica

Jogadora do Ano – futsal feminino:

Fifó (Benfica)

Treinador do Ano – futsal feminino:

Luís Conceição (Seleção Nacional de futsal)

Equipa do Ano – futsal feminino:

Benfica

Jogador do Ano – futebol de praia:

Madjer (Sporting)

Equipa do Ano – futebol praia:

Seleção Nacional A

Prémio Platina:

Fernando Santos

Prémio Vasco da Gama:

Sporting (futsal)

SC Braga (futebol de praia)

FC Porto (sub-19)

Prémio Prestígio:

Jesualdo Ferreira

Prémio Presidente:

Catarina Furtado

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta