Paredes: “Sensibilizar, incluir, mais transportes e uso de bicicleta” vão marcar Semana Europeia da Mobilidade

Paredes: “Sensibilizar, incluir, mais transportes e uso de bicicleta” vão marcar Semana Europeia da Mobilidade

O município de Paredes vai associar-se à Semana Europeia da Mobilidade, a celebrar-se entre os dias 16 e 22 de setembro. O tema que serve de mote às comemorações é  “Mobilidade Inteligente. Economia Forte” e, como tal, a autarquia local apresentou ontem, dia 2 de setembro, os seus objetivos e preocupações em torno deste tema.

No Salão Nobre dos Paços do Concelho, o presidente da câmara municipal de Paredes, Alexandre Almeida, referiu que “sensibilizar” e “incluir” são as palavras que vão servir de base para o plano de atividades a desenvolver durante a semana das comemorações. “O primeiro passo é sensibilizar para a mobilidade e o que ela envolve. Mas ainda há muito a fazer a este nível”, começou por referir. Tendo em conta que pareces é um concelho “com quatro cidades inerentes, aumenta ainda mais a necessidade de sensibilização” para que a pegada que cada habitante deixa no planeta ao usa, por exemplo, diariamente o seu veículo, seja reduzida.

“Não é um concelho à beira para que seja mais agradável andar de bicicleta, temos de andar no meio do trânsito, não é um concelho plano, e tem dificuldades a ver com os transportes públicos. Todos sabemos que Paredes carece de dificuldades a este nível”, salientou o autarca local. A acrescentar a estes fatores está também o facto de que haver carência no que concerne aos transportes públicos, mas Paredes já está “a participar no concurso pela Área Metropolitana do Porto para aumentar o número de carreiras e o número de frequência das mesmas”, a fim de que a população opte mais por este meio de transporte.

“Mobilidade para Todos” é uma das preocupações

Estas são algumas das medidas apresentadas numa altura em que a mobilidade é tema de conversa. Mas fazer com que a mobilidade seja para todos é também uma das ambições do município. Por essa razão, uma das principais atividades que o município vai desenvolver na  Semana Europeia da Mobilidade chama-se ““Mobilidade para Todos”. 

A população vai andar pelas ruas, inclusive o presidente da câmara (que convidou os seus vereadores para o acompanharem) para fazer o reconhecimento do quão acessível está Paredes neste momento, e de quais as necessidades que ainda persistem. “Façam o percurso para ver o que já está feito mas sobretudo o que ainda falta fazer ao nível da inclusão da mobilidade para que depois possamos atuar e tornar Paredes mais inclusivo”, deixou o convite para o evento.

Mais transportes públicos e bicicletas

Ainda assim, nesta sessão de apresentação das atividades, o autarca fez questão de referir que o município tem vindo a “inserir passeios em todas as freguesias, a substituir paragens de autocarros, assim como a beneficiar de passe único a população”, uma das medidas que encaram como uma “certeza que vai reduzir a pegada ecológica”. 

No entanto, Alexandre Almeida frisou que as pessoas só andam de transportes públicos se tiverem onde deixar o seu carro. Esse foi o motivo que levou o atual executivo a investir em parques de estacionamento junto à estação de comboio de Paredes. “Estamos a beneficiar com a EP uma formulação do parque junto da estação de comboio de Paredes porque queremos aumentar o número de lugares de estacionamentos”, disse. Ao mesmo tempo, estão em “fase final do concurso” para transformar a antiga ETAR num parque de estacionamento que garante dar “151 lugares”. 

Andar mais de bicicleta é um dos conselhos deixados pelo o autarca, tendo em conta que não polui o ambiente, é uma opção mais económica e permite usufruir das paisagens da cidade.

Programa contempla várias atividades

Na semana de 16 a 22 de setembro estão previstas diversas atividades dedicadas à mobilidade urbana sustentável, com o objetivo de promover a utilização de transportes que incentivam à mudança de comportamentos e a experimentar alternativas ao uso diário do automóvel particular.

No dia 17, a iniciativa acontece na  Senhora do Salto, em Aguiar de Sousa, onde as crianças do Agrupamento de Escolas de Sobreira vão recolher o lixo através de uma caminhada (plogging). Neste dias, os mais novos são convidados a entrarem num simulador que avalia a pegada ecológica.

No dia 18, as atividades voltam-se novamente para os mais jovens, mas estes vão ser automobilistas, polícias e também peões, num Circuito de Prevenção Rodoviária.

Entre os dias 19 e 20 de setembro, a sessão “Mobilidade Ativa” vai decorrer na Escola Básica n.º 1 de Lordelo, na Escola Básica n.º 1 de Rebordosa, na Escola Básica n.º 2 de Paredes e na Escola Básica de Gandra. A ideia é que os alunos saiam da sessão sensibilizados e possam levar lições para os seus progenitores.

O dia seguinte (21) desenrola-se no Parque José Guilherme, espaço que vai acolher a ação “Mobilidade para Todos” e, depois, “Anda de bicicleta connosco”.

Já no dia 22 de setembro, é dia de deixar os carros em casa. “Dia Europeu Sem Carros” vai ser a iniciativa que integra a Semana Europeia da Mobilidade, que, anualmente, apela à necessidade de reduzir o tráfego rodoviário nas cidades. Neste dia as atividades têm um objetivo comum, isto é, reduzir o tráfego rodoviário dentro das cidades, a fim de aumentar a qualidade de vida e garantir a sustentabilidade dos recursos naturais.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta