Penafiel: S. Bartolomeu nas ruas do Sameiro com toneladas de cebolas e centenas de visitantes

Penafiel: S. Bartolomeu nas ruas do Sameiro com toneladas de cebolas e centenas de visitantes

A manhã de 24 de agosto, dia de S. Bartolomeu, foi de enchente na Avenida Gaspar Baltar, em Penafiel com a Feira das Cebolas e do Cooperativismo. Uma feira centenária que há 40 anos integra o cartaz da Agrival e que decorre junto à Igreja do Sameiro e traz centenas de visitantes a Penafiel. A sua maioria procura restabelecer a dispensa de casa no que toca a cebolas.

José Sousa, vindo de Gondomar, disse ao Jornal A VERDADE que este dia está sempre agendado. “Dia de S. Bartolomeu é obrigatório vir a Penafiel. Venho comprar cebolas para o ano todo e rever amigos. Já é tradição”, disse o visitante que é reflexo de tantos outros que em família passeavam na avenida atrás das melhores cebolas e também dos afamados melões de casca de carvalho.

A Confraria do Presunto e da Cebola do Tâmega e Sousa esteve presente mostrando o apoio às dezenas de produtores de cebola que optaram mais uma vez por esta feira para escoar o seu produto. “O feedback que os produtores nos dão é muito positivo. Este ano a produção aumentou e apostam nesta feira para poder vender as suas toneladas de produção de cebola. Desde o início da semana já se venderam mais de 50 toneladas”, confidenciou Joaquim Ferreira, Grão Mestre da Confraria.

O trabalho de apoio aos produtores de cebola garrafal tem sido contínuo por parte da confraria e se no ano 2018 adquiriram aos produtores 10 toneladas de cebola garrafal para colocarem em mercados, “este ano já vamos em 15 toneladas. Temos conseguido aumentar a colocação do produto em mercado o que é muito bom para os produtores”, adiantou o Grão Mestre.

Publicidade

A venda é muita e através da Associação dos Produtores de Cebola foi fixado um valor mínimo por quilo por forma a equilibrar a concorrência. “Estabeleceram um valor mínimo de 50 cêntimos por quilo pela cebola para que seja uma concorrência saudável e leal. Todos querem vender e assim fica mais fácil”, concluiu Joaquim Ferreira.

A feira da cebola continua ao longo do dia de hoje, 24 de agosto, mas muitos são os produtores que se manterão até ao final da Agrival, 1 de setembro.

Nesta manhã e a par da feira, decorreu o concurso da cebola, com a colaboração dos técnicos da Direção Regional de Agricultura, e que terá resultados a meio da tarde com a entrega dos prémios já no pavilhão de feiras e exposições de Penafiel, recinto da Agrival, no palco Tradições.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta