Rali Terras d’Aboboreira une os municípios de Amarante, Baião e Marco de Canaveses

Rali Terras d’Aboboreira une os municípios de Amarante, Baião e Marco de Canaveses

Rali Terras D’Aboboreira é a próxima etapa do Campeonato de Portugal de Ralis, num momento em que a competição pelo título nacional está cada vez mais renhida, com três pilotos a estarem muito bem posicionados nesta luta. Em paralelo, a prova integra também o Campeonato Norte de Ralis que trará ainda mais concorrentes para a estrada.

A apresentação oficial decorreu esta sexta-feira em Baião, 16 de agosto, e foi dado a conhecer o formato renovado para este ano, com mais investimento e diversas novidades ao nível da promoção desta prova que irá decorrer nos dias 6 e 7 de Setembro, e percorrerá as classificativas de asfalto de Amarante, Baião e Marco de Canaveses.

De salientar a presença no evento de António Jorge, do Clube Automóvel de Amarante e organizador da prova, de Ni Amorim, presidente da Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK), bem como dos autarcas dos três municipios envolvidos no evento.

Com dez classificativas e um percurso total de 370 quilómetros, dos quais 104 serão disputados contra o cronómetro, o arranque do rali está marcado para a manhã de sexta-feira, dia 6, com a realização do “Qualifying” e “Shakedown”. À tarde, os concorrentes partem do pódio instalado em Marco de Canaveses pelas 16 horas,  rumando para uma dupla passagem pela classificativa “Rio Tâmega”, antes de rumarem à super-especial urbana de Baião, no coração da vila, com início previsto para as 21h15 e com a presença dos concorrentes do regional.

Já no sábado, dia 7 de setembro, os concorrentes terão de enfrentar duas secções com passagem dupla pelas especiais de “Marco – Rios de Emoção” com traçado totalmente novo. “Baião Vida Natural” e “Carvalho de Rei” em versão encurtada, antes da especial “Marão”, a última e a mais longa do rali, com os seus mais de 17 quilómetros a colocarem o derradeiro desafio aos concorrentes antes da chegada ao pódio em Baião.

A partida e chegada, bem como as zonas de assistência e reagrupamento dividem-se entre Baião, Amarante e Marco de Canaveses, de modo a permitir dar a conhecer ao público cada uma das localidades.

Quanto à parte competitiva, e quando faltam três eventos para o final do calendário desportivo de 2019, o resultado nesta prova será muito relevante na luta pela posição de liderança do nacional, sendo que Armindo Araújo e Bruno Magalhães já nomearam anteriormente o evento em que face ao regulamento não pontuam, faltando apenas Ricardo Teodósio realizar essa escolha, hipótese que está em aberto já para o Terras D’Aboboreira e que só será desvendada após o final do prazo de inscrições que termina a 30 de Agosto.

Rali Terras d'Aboboreira une os municípios de Amarante, Baião e Marco de Canaveses

Apresentação da prova decorreu esta sexta-feira em Baião

Municípios unidos em torno do evento

José Luís Gaspar, presidente da Câmara Municipal de Amarante: “Desde que estou nestas funções que defendo um aperfeiçoamento contínuo do trabalho em rede entre Municípios vizinhos. Deste modo, a alteração ao modelo desta prova configura um excelente exemplo do que pode ser esse trabalho, estabelecendo parcerias, potenciando recursos e assegurando ganhos de escala. Por tudo isto, acredito que este Rali sairá reforçado e que rapidamente se transformará numa prova de referência do desporto motorizado em Portugal”.

Paulo Pereira, presidente da Câmara Municipal de Baião: “Enalteço o simbolismo desta parceria entre os municípios de Baião, Amarante e Marco de Canaveses, efetivamente, todos juntos somos mais fortes e podemos fazer melhor. Partilhamos fronteiras, partilhamos ideias e, por isso, partilhamos também este evento”.
Esta é uma região onde há uma grande paixão pelo desporto automóvel, e deixo um apelo à consciência de todos quanto à segurança. Os troços passam por zonas urbanas e isso obriga a que as normas de segurança sejam estritamente cumpridas.”

Cristina Vieira, presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses: “O Marco de Canaveses, graças à sua localização, tem um potencial único para receber ‘O Rali Terras D’Aboboreira’, sobretudo porque há já uma longa história de eventos desportivos motorizados no nosso Município. É por isso que, com orgulho apoiamos o Rali que serve também para promover o nosso território ao recebermos os milhares de aficionados, quer da região, quer do país. Aproveitamos para desejar que a competição decorra com o máximo de segurança e desportivismo, e que todos os que nos visitam possam conhecer um pouco mais do nosso concelho que tem muito para oferecer em termos turísticos, paisagísticos e gastronómicos”.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta