Paredes: Pedro Silva e António Morgado campeões nacionais de fundo em Rebordosa

Paredes: Pedro Silva e António Morgado campeões nacionais de fundo em Rebordosa

Pedro Silva (Seissa/KTM Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact), em juniores, e António Morgado (Anipura/GDM/Escola Alexandre Ruas), em cadetes, sagraram-se hoje campeões nacionais de fundo, em Rebordosa, concelho de Paredes.

A exigência do circuito, entre Lordelo e Rebordosa, ficou bem patente nos 116,2 quilómetros da prova de juniores, disputados na tarde deste domingo.

A dureza e a vocação ofensiva dos juniores partiram completamente a corrida que assistiu a uma exibição de luxo de Pedro Silva. O corredor da equipa barcelense deixou toda a concorrência para trás e impôs-se ao cabo de 3h05m59s de esforço.

A Bairrada colocou três corredores nas posições seguintes, mas não conseguiu que o poderio coletivo rendesse o título nacional. João Silva foi o segundo classificado, a 2m03s, deixando o lugar mais baixo do pódio para João Carvalho, que ficou a 4m17s do vencedor.

Pódio em Cadetes

A prova de fundo para cadetes foi um duelo a dois entre António Morgado (Anipura/GDM/Escola Alexandre Ruas) e Lucas Lopes (BMC/Póvoa de Varzim/CDC Navais). Os dois aproveitaram a grande exigência dos 75,9 quilómetros, também entre Lordelo e Rebordosa para se distanciarem da concorrência.

A frente de corrida, com o vencedor da Taça de Portugal, António Morgado, e o vencedor da Volta a Portugal de Cadetes, Lucas Lopes, revelou-se um embate de campeões.

O mais forte foi o corredor da equipa de Alenquer, que, fez o pleno neste fim de semana, juntando o título de fundo ao de contrarrelógio. António Morgado, mais poderoso no sprint, deixou Lucas Lopes a 2 segundos.  André Rocha (ACDRRBTT/LROpticas/RJ Group) fechou o pódio, a 2m44s.

Pódio em Juniores

 

Vitor Almeida
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta