Publicidade

banner-baiao-festas-700x259

Paços de Ferreira: Chegou ao fim mais uma edição da Capital do Móvel

Paços de Ferreira: Chegou ao fim mais uma edição da Capital do Móvel

Terminou este domingo, dia 11 de agosto, a 53.ª edição da Capital do Móvel, certame que arrancou no dia 3. Pela primeira vez, aquela que é reconhecida como a principal feira de mobiliário e decoração do país realizou-se no Porto, no Centro de Congressos da Alfândega.

Ao longo de doze dias, dezenas de expositores promoveram as respetivas criações de primeira linha, procurando chamar as atenções do público local. Para além deste, o evento atraiu visitantes de outros distritos e até de outros países, com especial predominância de Espanha.

Apesar de ainda não serem conhecidos os números oficiais, Rui Carneiro, presidente da Associação Empresarial de Paços de Ferreira (AEPF), assegura que a iniciativa teve, pelo menos, o dobro dos visitantes da edição do ano passado.

Líder da principal organizadora do evento, Rui Carneiro refere que, apesar de ter inicialmente “algum receio” pela mudança de local da iniciativa, esta correu “muito bem” e “superou as expetativas”: “foi a primeira vez que saímos de portas, pois queríamos alcançar novo público e clientes, mas o feedback dos expositores e dos visitantes foi muito bom”.

Anualmente, a AEPF leva a cabo duas edições da Capital do Móvel e, segundo o seu presidente, a ideia passa por organizar uma em Paços de Ferreira e outra fora da cidade. Relativamente ao ano que vem, apesar de “ainda não estar decidido se vai ser no Porto”, Rui Carneiro revela que tal “é possível”, dado que a iniciativa de 2019 foi “um sucesso”.

 

 

Publicidade

banner-lousada-700x262

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta