Publicidade

banner-festas-do-marco-2019-700x394
Banner-Expomontemuro-2019-700x315

Tâmega e Sousa: Somos mais velhos mas há municípios onde ainda nascem mais bebés

Tâmega e Sousa: Somos mais velhos mas há municípios onde ainda nascem mais bebés

Hoje, dia 11 de julho, assinala-se o Dia Mundial da População. O Jornal A VERDADE foi traçar o perfil da população da região do Tâmega e Sousa e percebeu estamos mais velhos.

Nascem cada vez menos crianças no país mas, na região do Tâmega e Sousa, nasceram mais nove bebés de 2017 para 2018, segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística e trabalhados pelo PORDATA, os mais recentes divulgados.

Mas são os homens que nascem mais. Em 2018, registaram-se 1600 nascimentos masculinos na região, face aos 1558 nascimentos femininos.

O mesmo se pode dizer dos falecimentos. Há mais registo de mortes no sexo masculino na região do que no feminino, com uma diferença de 88 óbitos registados face aos dados de 2018.

Mas a pergunta que mais se coloca é se se morre mais do que se nasce na região. Pela análise comparativa dos dados de nascimentos face aos de óbitos na região, percebeu-se que há municípios que contrastam com o panorama nacional, isto é, que se nasce mais do que se morre.

Ainda assim, isto só acontece em quatro municípios de 11 dos que constituem o Tâmega e Sousa.

Paços de Ferreira registou em 2018 mais 85 nascimentos face ao número de mortos; Felgueiras segue a tendência com uma diferença positiva de 51 nascimentos, seguido do município de Lousada com 36 nascimentos a fazer a diferença, assim como aconteceu em Penafiel com mais 13 nascimentos do que óbitos.

Embora Paredes não faça parte da região do Tâmega e Sousa mas esteja incluído na área da Área Metropolitana do Porto, também registou maior número de nascimentos do que de óbitos, com uma diferença de 51 pessoas.

Onde morrem mais pessoas do que as que nascem é em Amarante, com uma diferença entre estes dois indicadores de 156, seguido de Celorico de Basto, com uma diferença entre o número de nascimento e o de mortes de 112 pessoas.

 

Publicidade

Banner-Festival-Francesinha-Felgueiras-700x446

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta