Paredes: Árbitro Jorge Sousa homenageado pela Junta de Freguesia de Lordelo

Paredes: Árbitro Jorge Sousa homenageado pela Junta de Freguesia de Lordelo

O mês de julho iniciou-se de forma especial para a freguesia de Lordelo, em Paredes, fruto das comemorações do 16.º aniversário da Cidade de Lordelo, que decorreram no dia 1. Durante a cerimónia, que teve lugar no Centro Paroquial a partir das 21h30, foram atribuídas distinções honoríficas a várias personalidades da freguesia que se destacaram em áreas distintas.

Coube ao árbitro profissional Jorge Sousa receber das mãos de Nuno Serra, presidente da junta de freguesia, a distinção mais alta da noite: a Medalha de Ouro da Cidade de Lordelo. O paredense, recorde-se, viu a sua habitação, em Lordelo, ser vandalizada na noite que antecedeu o jogo entre Benfica e Santa Clara, a última jornada do campeonato, partida para a qual foi nomeado.

Sobre o principal homenageado do evento, Nuno Serra acredita que a distinção é “mais do que merecida” por “toda a carreira que foi desenvolvendo”.

Já as Medalhas Mérito Desportivo foram atribuídas a Joana Nunes, atleta de futsal feminino, e Daniel Neto, atleta de kung fu.

António Silva, dos Bombeiros Voluntários de Lordelo, e os voluntários do Hospital Padre Américo receberam a Medalha de Mérito Cívico.

A Medalha de Mérito Social foi atribuída a Celso Leal, procurador-adjunto, e à Associação para a Inclusão de Jovens e Adultos.

Por fim, a Bifase recebeu a Medalha de Mérito Empresarial.

No balanço da iniciativa, Nuno Serra considerou o evento “um sucesso”, pela importância que as figuras homenageadas representam para a freguesia. “O objetivo da cerimónia é sempre louvável e marca, seja pelas pessoas que são homenageadas, seja pelo efeito que elas também transmitem”, referiu o presidente.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta