Publicidade

banner-festas-do-marco-2019-700x394
Banner-Expomontemuro-2019-700x315

Município de Baião vai confecionar maior Biscoito Teixeira do mundo

Município de Baião vai confecionar maior Biscoito Teixeira do mundo

O Biscoito da Teixeira, do concelho de Baião, está a participar no concurso 7 Maravilhas Doces de Portugal, tendo conseguido chegar a finalista distrital na categoria Doce Território.

Neste seguimento, e com o objetivo de dar visibilidade ao doce tradicional para alcançar as meias-finais do concurso, a Câmara Municipal de Baião, em parceria com a União de Freguesias de Teixeira e Teixeiró e com a detentora da marca Biscoito da Teixeira, Sónia Pereira, vai confecionar o maior Biscoito do mundo, no local onde ele é originário: a localidade de Teixeira, em Baião.

O evento acontece esta sexta-feira, dia 5 de julho, na antiga Escola Primária de Teixeira, e tem início às 18 horas. O momento vai juntar cerca de 100 participantes e será filmado, o vídeo vai ser publicado no dia 10 de julho através das redes sociais do município de Baião.

O doce confecionado vai pesar 100 quilos e pode ser degustado por 300 pessoas. Vai medir 11 metros e, para a sua confeção estão já preparados 50 quilos de farinha, 30 quilos de açúcar, cinco quilos de limão, cinco quilos de fermento e quatro quilos de sal. A sua confeção vai envolver cerca de 10 pessoas, o que levou a que fossem produzidas duas formas específicas para o efeito.

Importa referir que o Biscoito da Teixeira é um doce regional muito popular no norte de Portugal, maioritariamente na região do Douro. É considerado um bolo ligeiro e tem a particularidade de não levar ovos, facto que costuma intrigar os apaixonados por este doce.

A receita é oriunda da localidade com o mesmo nome, no concelho de Baião, a Teixeira, onde vive Sónia Pereira, que ainda o produz e o faz chegar a festas e romarias de todo o país e ao estrangeiro. Embora não se consiga determinar ao certo a sua origem, os testemunhos orais apontam para que seja uma receita com mais dois séculos, passada de geração em geração e de romaria em romaria. Conta-se, ainda, que o Biscoito da Teixeira estaria associado a origens humildes, atendendo ao uso de poucos ingredientes na sua confeção e ao facto de ser vendido em festas populares.

O município de Baião apela ao voto para que este doce prossiga no concurso, através do telefone 760 107 071. Recorde-se ainda que as votações terminam a 16 de julho.

Publicidade

Banner-Festival-Francesinha-Felgueiras-700x446

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta