Penafiel Racing Fest: “Cinquentinhas” revivem troço do Sameiro na tarde de domingo

Penafiel Racing Fest: “Cinquentinhas” revivem troço do Sameiro na tarde de domingo

É já na próxima sexta-feira, dia 28 de junho, que Penafiel vai acolher o “Penafiel Racing Fest”. Este evento de desportos motorizados, que promete trazer à cidade um número significativo de visitantes, vai desenrolar-se até domingo, dia 30.

No total, são seis as modalidades a animar os aficionados de motores e corridas: o Super Enduro Urbano (dia 28), a Taça Joaquim Santos (dias 28 e 29), a Drag Race e o Trial 4×4 Urbano (dia 29) e, no último dia do evento, a prova de Regularidade em Clássicos Históricos e a prova das motos Clássicas de 50cc e 85 cc.

Esta última está agendada para as 14 horas, sendo que os participantes vão ter à sua espera o percurso preparado pelo Croca Chaços na cidade de Penafiel.

Sérgio Ferreira, presidente do clube penafidelense, foi um dos principais organizadores da corrida, que se inspira numa prova emblemática, entretanto já extinta: o Troço do Sameiro. “O mítico Troço do Sameiro existia há uns anos e quisemos trazer isso de volta”, revelou ao Jornal A VERDADE.

Presidente de um núcleo que “tem tido muito sucesso”, Sérgio Ferreira refere que, para além da “diversão”, o objetivo da iniciativa do próximo domingo é “pôr as ‘cinquentinhas’ a andar”.

Na opinião do presidente, os ingredientes para que a prova venha a ter sucesso estão todos reunidos: “vai estar bom tempo e, pelo que nos têm confirmado, vamos ter muitos pilotos, nacionais e estrangeiros”.

O fecho do Penafiel Racing Fest dá-se com a última “cinquentinha” a passar a meta e estão previstas dezenas delas para competir de forma “descontraída”. Segundo a organização “ninguém quer perder mas o objetivo maior é que os pilotos se divirtam e proporcionem um bom espetáculo”.

As ruas circundantes ao Jardim do Sameiro esperam-se repletas de aficionadas das motos clássicas que nos últimos anos têm feito desta prova uma das mais assistidas.

Os pilotos das 85 cc não vão fazer por menos e prometem “dar gás” pelo mesmo troço, mostrando o potencial das motos, fazendo os aficionados vibrarem com a velocidade e “barulho”.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta