Castelo de Paiva: ADC Bairros homenageado por subir à Segunda Divisão Nacional em Futsal

Castelo de Paiva: ADC Bairros homenageado por subir à Segunda Divisão Nacional em Futsal

A Associação Desportiva e Cultural de Bairros  (ADC Bairros) recebeu, no passado sábado, dia 25 de maio, a Taça de Campeões Distritais de Futsal. A equipa de Castelo de Paiva conseguiu um feito histórico no concelho, com a subida à segunda divisão nacional.

Depois do último jogo da temporada realizado pelas 18 horas de sábado, a equipa voltou a vencer. Os festejos começaram no Pavilhão Municipal, tendo-se seguido para os Paços do Concelho, onde o atual executivo prestou homenagem à equipa. Há ainda um Voto de Louvor, que já foi aprovado na última Assembleia Municipal.

Neste dia, os jogadores foram até à varanda do Salão Nobre, com a taça na mão, mostrando-a aos adeptos que apoiaram, no Largo do Conde, a equipa de futsal. Além das medalhas oferecidas pela autarquia aos mister e presidente da equipa, os jogadores brindaram o presidente de câmara, Gonçalo Rocha, e o vereador José Manuel Carvalho com uma camisola do clube.

Presidente Gonçalo Rocha e vereador José Manuel Carvalho receberam lembrança da equipa

Momentos antes, não faltaram os discursos que, não só elogiaram a prestação do ADC Bairros no campeonato, como também alertaram para a época difícil que se avizinha. O presidente da Assembleia Municipal, Gouveia Coelho, enalteceu o feito dos jogadores e da equipa técnica que os apoio na caminhada.

O presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, Gonçalo Rocha, congratulou-se com este êxito desportivo, realçando a satisfação ao a ADC de Bairros “a escrever uma das mais bonitas paginas da sua história”. Frisou que é gratificante ver o Pavilhão Municipal de Desportos “sempre repleto de bairristas e paivenses a apoiar, de forma incondicional, este grupo fantástico de atletas”.

Equipa festejou a taça no Salão Nobre

Para o presidente de junta da União de Freguesias de Sobrado e Bairros, José António Vilela, “foi um orgulho enorme ter uma equipa da terra a chegar tão longe, fruto do empenho de todos os que constituem a equipa”. Salientou que a União de Freguesias, na última reunião, aprovou um Voto de Louvor, que será entregue no Parque das Tílias durante o próximo mês. Garantiu ainda que vão apoiar o ADC Bairros na próxima época.

Para o vereador com o pelouro de desporto, José Manuel Carvalho, é um “orgulho ter coletividades com esta dinâmica, que ultrapassou todas as dificuldades, conseguindo um feito notável tendo em conta a dimensão desta terra”. O presidente foi elogiado pelos momentos difíceis que conseguiu, com a sua equipa, ultrapassar. Disse ainda que a parceria estabelecida entre a câmara e o ADC Bairros foi honrada e, agora, a caminhada continua “com um desafio maior, mas que farão, com a qualidade que já habituaram os paivenses, elevar o nome de Bairros e Castelo de Paiva”.

Vereador José Manuel Carvalho enalteceu feito da equipa

A massa adepta foi igualmente elogiada nesta cerimónia, tendo em conta a sua forte presença nos jogos, dando um apoio que se evidenciou “fulcral” para o empenho e dedicação da equipa.

Ricardo Jorge, em nome da Associação de Futebol de Aveiro, disse que o feito da equipa é importante para a dinamização de Castelo de Paiva. Deixou ainda uma palavra de apreço por terem “cimentado o gosto do futsal no concelho ao longo dos últimos anos”. Disse que, como homem da terra – visto que nasceu em Castelo de Paiva – foi uma honra ter tanta gente a dar-lhe os parabéns pelo desempenho do ADC Bairros. Deixou ainda o desejo em ver a equipa bairrista representada na gala da AF Aveiro.

Ricardo Jorge, em nome da Associação de Futebol de Aveiro, esteve presente na cerimónia

O Mister da equipa, José António Magalhães, agradeceu à terra o apoio dos paivenses, assim como aos seus homens que, “tal como toda a gente, também têm filhos em casa, um trabalho, uma família, e deixam tudo para corresponder às expectativas da equipa”.

“Quando cheguei aqui, sempre pedi que fôssemos sempre sérios, mesmo que estivéssemos a jogar num patamar amador. E sem dúvida que a equipa teve essa atitude e, isso, aliado ao esforço, levou-nos mais longe”, contou.

Aproveitou a oportunidade e comunicou à equipa que lidera que é necessário manter o equilíbrio. “Ainda temos uma Final-Four e uma Super Taça, queremos muito fechar o ano com um triplex e, então depois, pensarmos no futuro”, frisou.

José António Magalhães foi o técnico da equipa esta época

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.