Centro de Interpretação do Românico recebe menção honrosa como “Melhor Museu Português”

Centro de Interpretação do Românico recebe menção honrosa como “Melhor Museu Português”

O Centro de Interpretação do Românico, da Rota do Românico, marcou presença esta sexta-feira, dia 24 de maio, na gala de entrega de prémios da Associação Portuguesa de Museologia (APOM), trazendo na bagagem quatro prémios.

A Rota do Românico foi distinguida com um prémio na categoria de “Filme”, “Aplicação de Gestão e Multimédia” e “Trabalho de Museografia”. Recebeu ainda a menção honrosa na categoria “Melhor Museu Português”.

Presente na iniciativa, que decorreu no Teatro Miguel Franco, em Leiria, esteve a diretora da Rota do Românico, Rosário Machado, que destacou a importância destas distinções para a rota. “É com muita alegria e satisfação que após 20 anos de trabalho, e a menos de um ano de abrir portas do Centro de Interpretação do Românico, temos este reconhecimento”, sublinhou.

Para Rosário Machado, a menção honrosa de Melhor Museu de Portugal “é uma motivação extra para toda a equipa que tem estado a trabalhar arduamente neste projeto de dar a conhecer a Rota do Românico a partir do centro interpretativo”.

Esta gala de premiação é única a nível nacional e tem como principal objetivo reconhecer a museologia, a nível patrimonial e histórico, de Portugal.

A Associação Portuguesa de Museologia foi fundada em 1965 para incentivar o espírito de preservação e divulgação do património dos museus, atribuindo prémios, anualmente desde 1997, a museus, projetos, profissionais e atividades desenvolvidas no setor.

Rosário Machado, da Rota do Românico

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.