Penafiel: Bigodz Dasfalte – de Penafiel ao Algarve em Sachs V5 para o Kartodromo de Baltar

Penafiel: Bigodz Dasfalte – de Penafiel ao Algarve em Sachs V5 para o Kartodromo de Baltar

João Vigário (Jonny Vigário), Óscar Coelho (Max Tubaralho), João Ribeiro (Jonny Danger) e António Carvalho (Tony Terror) são os Bigodz Dasfalte e se fosse possível esta notícia ter banda sonora seria com “Mission Impossible” de Adam Clayton e Larry Mullen Jr., músicos dos U2.

Trata-se da história de quatro amigos que à primeira vista podia ser uma “missão impossível”, mas que os “quatro magníficos” tornaram real. Ao volante de quatro Sachs V5 numa viagem de Penafiel ao Algarve a aventura levava na mala a paixão pelas motorizadas e a vontade de deixar marcas nas suas vidas.

Hoje e com a vida profissional mais intensa, o tempo não permite os 600 quilómetros nas suas Sachs V5. Por isso, e há quatro anos, decidiram transformar a viagem num evento aberto a “mais amigos”, disse João Vigário ao Jornal A VERDADE.

Surgiu assim o “500 km’s Bigodz Dasfalte”, denominada pelos organizadores como “a corrida mais louca do mundo”. A quarta edição acontece este sábado, 18 de maio, no Kartodromo de Baltar, em Paredes e estão já inscritas 30 equipas com quatro pilotos cada, que vão percorrer os 500 quilómetros numa motorizada 50 cc (centímetros cúbicos).

“Desde a primeira edição que as inscrições esgotam, temos equipas que querem entrar, mas não temos capacidade para mais participantes. Só entram novos quando uma equipa por alguma razão não pode participar”, adiantou Óscar Coelho.

Serão assim 120 pilotos em competição em mais de dez horas de resistência com uma particularidade. “Todos têm de usar bigode”, disse João Ribeiro.

A vida para os “quatro magníficos” mudou desde as viagens ao Algarve, no entanto a vontade de manter a aventura “viva” faz com que António Carvalho tire uns dias de férias e regresse à terra para ajudar no evento. É que o “Tony Terror”, é agora empresário em Angola e a facilidade de entrar “nestas aventuras é muito menor”.

Com vidas profissionais agitadas a solução de criar o evento foi “a melhor”, avançou João Vigário, que ano após ano, juntos conseguem manter uma atividade que não é mais que “uma reunião de amigos, todos com a paixão comum pelas motorizadas”.

No sábado, 18 de maio, resta apenas o público juntar-se à festa para ver os 120 pilotos a mostrar a sua resistência e as suas Sachs V5 “devidamente tratadas, bem como os seus bigodes”, garante o “comité organizador”.

banner-felgueiras-600x229

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.