Marco de Canaveses: ARCA vai defrontar CS Madeira na “final four” da Taça de Portugal de Andebol Feminino

Marco de Canaveses: ARCA vai defrontar CS Madeira na “final four” da Taça de Portugal de Andebol Feminino

O concelho de Marco de Canaveses vai acolher nos próximos dias 25 e 26 de maio, a “final four” da Taça de Portugal de Andebol Feminino. Esta prova realiza-se em terras marcoenses após o apuramento inédito da equipa feminina da Associação Recreativa e Cultural de Alpendorada (ARCA) para esta fase.

O sorteio desta competição aconteceu na tarde desta sexta-feira, dia 3 de maio, no Salão Nobre dos Paços do Concelho de Marco de Canaveses. A equipa de Marco de Canaveses vai defrontar o CS Madeira, enquanto que a segunda semi-final será entre o Colégio de Gaia e o NAAL Passos Manuel.

A realização desta prova em Marco de Canaveses, nomeadamente no Pavilhão de Várzea do Douro, que será inaugurado no dia 25 de maio, dá-se no seguimento de uma promessa feita pelo vice-presidente da Federação de Andebol de Portugal, Augusto Silva, aquando da terceira gala da ARCA. Presente no sorteio, o representante da federação recordou que a ‘final four’ é “um momento alto da modalidade”, revelando que são escolhidos “locais que possam garantir a qualidade dos eventos”.

“Não é por acaso que viemos para Alpendorada. Assumimos a realização desta prova aqui porque temos respeito pelo trabalho da ARCA. Alpendorada há muito que é um ponto de referência do andebol”, destacou Augusto Silva, acrescentando que esta é uma forma da federação agradecer “à autarquia pelo trabalho que tem sido feito na ARCA”.

A presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses, Cristina Vieira, destacou a “honra” de receber este evento no concelho. “Se não fosse a ambição e o trabalho árduo que a ARCA tem levado no concelho não era possível realizar aqui esta final. Os atletas têm ajudado a colocar Marco de Canaveses no mapa desportivo”, sublinhou.

A autarca recordou que o Pavilhão de Várzea do Douro será inaugurado no primeiro dia da ‘final four’, tratando-se de um “investimento da autarquia”, esperando que a casa encha “para apoiar a ARCA e o município”.

Com o desejo de ver a taça “ficar em Marco de Canaveses”, Cristina Vieira espera que quem visite o concelho nesse fim de semana “aproveite para conhecer o que de melhor tem para oferecer”.

Também o vereador do Desporto, Paulo Couto demonstrou o orgulho ao ver esta prova a realizar-se no município. Natural da freguesia de Alpendorada, Várzea e Torrão, o autarca destacou o “carinho especial” pela realização desta prova. “É a minha terra, são os meus amigos, pessoas com quem convivo no dia-a-dia. É muito especial”, realçou.

Por sua vez o presidente da ARCA, Jorge Guedes, enalteceu “a época extraordinária que a equipa sénior tem vindo a fazer”, frisando que se juntou o útil ao agradável. “Esperamos que a nível desportivo e organizacional o clube saiba responder à responsabilidade desta prova”, completou.

Com a esperança de fazer o melhor que sabe, ou seja, “jogar bom andebol”, o dirigente desportivo espera que a casa esteja cheia. “O pavilhão tem capacidade para 550 lugares sentados. Espero que estejam 550 pessoas em pé a apoiar o clube”, concluiu.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.