Greve dos motoristas de matérias perigosas já terminou

Greve dos motoristas de matérias perigosas já terminou

A greve dos motoristas de matérias perigosas, que iniciou na passada segunda-feira, foi dada como terminada esta quinta-feira de manhã, uma vez que o Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas (SNMMP) chegou a um acordo com a Associação Nacional de Transportadores Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM).

O anúncio foi feito pelo Ministério das Infraestruturas esta manhã, sendo que as negociações entre as duas partes prolongaram-se pela madrugada.

O protocolo assinado esta quinta-feira, e que põe um ponto final à greve, será para concluir até dia 31 de dezembro e tem o principal objetivo de promover e dignificar a atividade de motorista de matérias perigosas. Recorde-se que esta era a principal reivindicação dos motoristas quando iniciaram a greve.

Os efeitos desta paralisação verificaram-se um pouco por todo o país e, especificamente na região do Tâmega e Sousa, com vários postos de abastecimento a ficarem sem “pinga” de combustível.

A “corrida ao combustível” intensificou-se na terça-feira, dia 16 de abril, com os automobilistas a fazer filas, que chegavam a atingir quilómetros, junto aos postos de abastecimento.

Após o término da greve, segue-se a reposição de combustível nos vários postos espalhados pelo país, o que pode demorar mais de uma semana, uma vez que a logística da distribuição de produtos petrolíferos é rígida. Para além desta logística, o feriado desta sexta-feira também atrasa a reposição.

Importa ainda referir que, em média, um posto em Portugal vende de 8 a 10 mil litros de combustível por dia, sendo que os camiões-cisterna transportam 30 mil litros. Os postos são abastecidos a cada três dias, mas com a procura elevada dos automobilistas é esperado que, após o reabastecimento, os postos rapidamente esvaziem o seu stock.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.