Quarta prova do Campeonato Nacional de Enduro adiada devido a greve dos motoristas de matérias perigosas

Quarta prova do Campeonato Nacional de Enduro adiada devido a greve dos motoristas de matérias perigosas

Os pilotos da região que integram no Campeonato Nacional de Enduro vão ser impedidos de participar na prova deste fim de semana, 19 e 20 de abril, devido à falta de combustível causada pela greve dos motoristas de matérias perigosas.

O anúncio foi feito pela Comissão de Enduro da Federação de Motocross Portuguesa e o Montanha Clube que garantem que, com a falta de combustível “não estarão reunidas as condições mínimas para os pilotos e meios de socorro se poderem deslocar para a quarta ronda do Campeonato Nacional de Enduro – CFL 2019”, que se realiza na Lousã.

É ainda divulgado que a nova data será anunciada brevemente.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta