Lousada: Suspeito de crime de violência doméstica detido por posse de arma ilegal

Lousada: Suspeito de crime de violência doméstica detido por posse de arma ilegal

Na passada quinta-feira, dia 14 de março, um homem de 61 anos foi detido em Lousada por posse de arma proibida. A detenção foi realizada pelo Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vitimas Específicas (NIAVE) de Penafiel.

O suspeito já se encontrava sob investigação por violência doméstica, tendo-se apurado que, durante o processo de divórcio, o referido homem não terá aceitado nem a separação, nem a partilha de bens, tendo proferido ameaças de morte à ex-mulher.

No decorrer da investigação, apurou-se ainda que, durante o casamento, a vítima de 57 anos era agredida física e psicologicamente.

À luz destes factos, o NIAVE executou um mandado de busca domiciliária, que resultou na apreensão de uma arma de fogo transformada, um revólver, uma pistola de alarme, uma arma branca e 230 munições.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Marco de Canaveses, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de apresentações periódicas, no posto policial da sua área de residência.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.