Castelo de Paiva presente na Bolsa de Turismo de Lisboa 2019

Castelo de Paiva presente na Bolsa de Turismo de Lisboa 2019

A 31ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL) decorre desde a passada quarta-feira na FIL, em Lisboa, terminando no próximo domingo, dia 17. O concelho de Castelo de Paiva está representado no evento, que se trata da maior feira do setor turístico a nível nacional.

Integrado no espaço da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, o município tem vindo a demonstrar aos visitantes a gastronomia, a doçaria tradicional e vinhos, o turismo de natureza e o touring cultural e paisagístico, divulgando ainda eventos que serão realizados no concelho, tais como os festejos de S. João, a Feira do Vinho Verde e o Festival dos Rios Arda D’Ouro.

Outro dos destaques da presença paivense na iniciativa tem sido a recém-apresentada Rota dos Ofícios Tradicionais da Terra de Payva, que dá aos visitantes a possibilidade de assistirem e interagirem com artesãos e profissões antigas: ferreiro, sapateiro, moleiro, entre outras.

Gonçalo Rocha, presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, deslocou-se à FIL, onde destacou a importância da presença do município paivense nesta iniciativa, que, segundo afirmou, serve para reforçar a aposta de afirmação da Terra de Payva, divulgando e promovendo os eventos e o que a região tem de melhor para oferecer.

Acompanhado da vereadora do Turismo, Paula Melo, o autarca sublinhou a importância do concelho continuar a mostrar o seu potencial e os seus recursos, sem esquecer o relevo que a Rota do Românico oferece à região. Para tal, considera crucial a concretização dos projetos em curso orientados para os Percursos Pedestres, que irão valorizar rios, serra, vinhas e minas de Castelo de Paiva.

Considerando o setor do turismo essencial para dinamizar a economia local, Gonçalo Rocha manifestou ainda o desejo de manter a aposta na estratégia “Viver o Payva Douro”, que considera essencial para promover os recursos que a região tem para oferecer e, consequentemente, potenciar o crescimento da hotelaria, da restauração e dinamização do comércio local.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.