Baião: Autarquia discutiu ligação da vila à Ponte da Ermida com PCP

Baião: Autarquia discutiu ligação da vila à Ponte da Ermida com PCP

Na passada segunda-feira, dia 4 de março, o presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, esteve reunido com vários deputados do PCP do Porto, entre os quais o deputado da Assembleia da República, Jorge Machado. A reunião teve como intuito discutir a ligação de Baião à Ponte da Ermida, obra que o autarca baionense quer ver incluída no Plano Nacional de Investimentos (PNI 2020/2030).

Com um custo previsto de 26 milhões de euros, a variante em questão terá uma extensão de 13 quilómetros, sendo que a intervenção, caso seja efetuada, vai permitir requalificar uma parte da EN 108 e construir um troço de raiz.

Durante a ação, Paulo Pereira sublinhou a importância estratégica e estruturante que a nova acessibilidade traria a Baião e a municípios como Resende, Mesão Frio ou Régua, nomeadamente no que ao “acolhimento empresarial e eventual instalação de novas empresas diz respeito, em aspetos relacionados com a dinamização turística e económica, com efeitos na criação de emprego e fixação da população, para além do aumento da segurança na circulação”.

A história da ligação de Baião à Ponte da Ermida, que o autarca descreve como “inglória”, teve início há 30 anos e no seu histórico conta com uma “sucessão inacreditável” de 27 projetos que, até ver, não saíram do papel.

Depois de tantos avanços e recuos, Paulo Pereira partilha da descrença da população, que diz precisar de “ver para querer”, apesar de considerar a utilidade da construção por demais evidente. “Começa a ser muito difícil até para os políticos locais saber o que dizer às populações para quem esta obra é determinante a vários níveis. Vejamos: um percurso de 29 minutos será encurtado para 11, uma redução muito substancial quando falamos numa região com condições orográficas muito particulares”, referiu o autarca.

Depois de também ter reunido com os deputados da Assembleia da República do PS, PSD e CDS-PP eleitos pelos Círculos do Porto, Paulo Pereira quer encontrar-se seguidamente com os deputados do Bloco de Esquerda, a quem já enviou uma solicitação. Um pedido de audiência foi enviado, igualmente, ao novo Ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.