Consumidor: A Saúde a que tem direito

Consumidor: A Saúde a que tem direito

Artigo em parceria com a NI Deco Norte:

Sabia que, numa situação de urgência, não precisa de ir sozinho na ambulância, pois pode ser acompanhado por um familiar? Que tem direito a uma segunda opinião, de outro médico, caso lhe seja diagnosticada uma situação clínica grave? E que existem comparticipações do Estado para os idosos renovarem as lentes dos óculos ou as próteses dentárias?

Nem sempre os utentes estão a par dos seus direitos sobre saúde. Contudo, estar bem informado é o primeiro passo para que os cidadãos intervenham nas decisões sobre a sua saúde e exijam o cumprimento dos seus direitos.

Neste sentido, a DECO lançou a campanha informativa “A saúde a que tem direito”. Poderá encontrar folhetos informativos e vídeos sobre esta temática, nas unidades de saúde familiar e farmácias perto de si, bem como no site www.asaudeaquetemdireito.pt , onde toda a informação estará acessível.

Para além disso, a DECO estará a realizar sessões informativas em todo o país. Com esta iniciativa pretendemos ajudar os consumidores a compreender os seus direitos enquanto utentes e ainda explicar como recorrer a apoios e quando reclamar.

Enquanto consumidores, os utentes têm direito à informação e a cuidados de saúde seguros e de qualidade.

Para mais informações, pode contactar o Gabinete de Apoio ao Consumidor da Câmara Municipal de Marco de Canaveses ([email protected]). A DECO dispõe de um protocolo de colaboração com a autarquia e mensalmente realiza apoio presencial gratuito no concelho.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.