Telemóveis, droga e um passaporte confiscados após rusga na cadeia de Paços de Ferreira

Telemóveis, droga e um passaporte confiscados após rusga na cadeia de Paços de Ferreira

Na noite e madrugada passadas, mais de uma centena de  guardas prisionais levaram a cabo uma rusga na cadeia de Paços de Ferreira. A busca resultou na apreensão de vários materiais proibidos, tais como droga, seringas e telemóveis.

Em comunicado, a Direção Geral de Reinserção e Serviços Prisionais refere que foram encontrados “79 telemóveis, 20 ampolas de anabolizantes, oito seringas, uma balança de precisão, um passaporte, dois pares de luvas de luta MMA, seis plastrons, um alambique artesanal, dois baldes de fruta fermentada, centenas de comprimidos, diversos, 45 maços de tabaco, seis caixas de tabaco avulso, 98 g de uma substância que se presume ser haxixe, 20 gramas de uma substância que se presume ser heroína e uma grama de uma substância que se presume ser cocaína”.

A busca, que decorreu sem incidentes, foi efetuada por “cerca de uma centena de elementos do corpo da guarda prisional do Estabelecimento Prisional de Paços de Ferreira, dos dois esquadrões do Grupo de Intervenção e Segurança Prisional (GISP) e diversos binómios dos dois grupos cinotécnicos”. O comunicado refere ainda que os reclusos que tinham em sua posse bens ilícitos “serão objeto de procedimento disciplinar e/ou criminal”.

Recorde-se que, no passado sábado, um grupo de prisioneiros daquele estabelecimento prisional transmitiu em direto no Facebook, durante cerca de 40 minutos, a festa de aniversário de um recluso condenado por tráfico de droga, o que motivou a rusga agora noticiada.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.