Greve da função pública: Saiba quais os municípios mais afetados no ensino

Greve da função pública: Saiba quais os municípios mais afetados no ensino

A greve da função pública levou ao encerramento do Agrupamento de Escolas de Castelo de Paiva, deixando os alunos do ensino básico e secundário sem aulas. As escolas primárias estão a funcionar normalmente.

Por volta das 10 horas da manhã desta sexta-feira, os alunos foram encaminhados para casa, com transporte assegurado. Mais de uma dezena de funcionárias, incluindo as da cantina escolar, fizeram hoje greve, não havendo as condições mínimas para o funcionamento das respetivas escolas.

Também no município de Cinfães a greve afetou o funcionamento das aulas, tendo fechado a escola Eb2/3 onde todos os alunos ficaram sem aulas. Há primárias afetadas com mais de metade dos funcionários a aderirem à greve. “Como não tínhamos como assegurar as refeições tivemos de mandar as crianças embora”, explicou Manuel Pereira, diretor do agrupamento de escolas General Serpa Pinto.

Em Felgueiras, a cantina ficou a funcionar em todas as escolas, à exceção do centro escolar de Jugueiros e de Pombeiro, que já encerraram. No entanto, a escola afirma que a adesão foi grande e que as escolas que estão a funcionar, estão “a meio gás”. 

No concelho de Paredes, os agrupamentos de escolas de Paredes e Cristelo aderiram em pleno, enquanto que, no de Sobreira, aderiram as escolas primárias e pré-primárias, tendo a secundária funcionado com os serviços mínimos assegurados. No agrupamento de Lordelo, somente os funcionários da secretaria entraram em greve, ao contrário das escolas de Vilela, que abriram apenas ao público. Já no agrupamento de escolas de Baltar, a EB de Baltar foi o único estabelecimento a fechar portas.

Em Penafiel, a adesão foi ligeiramente menor, tendo os seguintes agrupamentos de escolas funcionado normalmente: Paço de Sousa, D. António Ferreira Gomes e a ES de Penafiel. No agrupamento de escolas Joaquim de Araújo, somente a EB 2, 3 de Marecos permaneceu fechada. Já no agrupamento de escolas de Penafiel Sudeste, “funcionar com regularidade sem levantamento do pré-escolar”.

Em Marco de Canaveses a greve afetou todos os agrupamentos de escolas, verificando-se uma adesão de quase 100%, com exceção do Agrupamento de Escolas do Marco, onde não houve registo de escolas fechadas.

banner-felgueiras-600x229

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.