Publicidade

banner-baiao-festas-700x259

O que é que a Carmen Miranda tem? Tem um novo museu em Marco de Canaveses

O que é que a Carmen Miranda tem? Tem um novo museu em Marco de Canaveses

Os 110 anos do nascimento de Carmen Miranda foram assinalados com a apresentação do novo museu municipal.

Maria do Carmo Miranda da Cunha nasceu no dia 9 de fevereiro de 1909 em Aliviada, na freguesia de Várzea, Aliviada e Folhada. Era ainda muito pequena, com apenas dez meses, quando a família decidiu mudar-se para o Rio de Janeiro. Cidade que em poucos anos viu-a tornar-se na rainha da era da rádio e mais tarde do cinema.

“A marca Carmen Miranda tem de ser melhor utilizada, afinal de contas foi uma emigrante portuguesa de sucesso, com um trajeto que deve ser lembrado a todas as gerações portuguesas e em particular às marcoenses”, disse Cristina Vieira, presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses que abriu os discursos da celebração dos 110 anos da “pequena notável”.

O encontro deu-se na tarde deste sábado, 9 de fevereiro, data que assinala os 110 anos de Carmen Miranda, no auditório professora Emília Monteiro, no centro da cidade de Marco de Canaveses, com a presença do diretor regional da cultura do Norte, António Ponte, o arquiteto responsável pelo projeto do museu Carmen Miranda, Orlando Gaspar e também com Francisco Tavares, músico convidado para falar da carreira artística da ilustre marcoense.

O novo museu será interativo “capaz de receber várias atividades em conjunto dada a sua funcionalidade. Uma sala ampla com um corredor que faz uma viagem pela história de Carmen Miranda ou outras exposições. Uma área comum e social bem como áreas mais pequenas que podem receber outro tipo de iniciativas culturais, lúdicas e educativas”, garantiu o autor do projeto arquitetónico.

Para António Ponte, da direção regional da cultura do Porto, este novo museu será “uma entrada de mãos dadas com a Carmen Miranda para se conhecer a vida e obra bem como o Marco de Canaveses”. Para o museológico, este novo espaço, “poderá a vir a ser um dos museus mais visitados do país uma vez que um dos público-alvo são os brasileiros, eternos amantes de Carmen Miranda, que certamente virão à cidade natal da sua musa”.

Cristina Vieira, autarca local, disse ser importante ver a artista marcoense como “uma emigrante de sucesso, e através dela poderemos contar a história da emigração marcoense por todo o mundo, e que em muitos casos também são de sucesso”.

Assim, a diáspora portuguesa ganha uma nova força através do novo museu que irá unir dois dos edifícios já históricos no centro da cidade de Marco de Canaveses. Os antigos edifícios do museu e biblioteca municipal serão intervencionados, nascendo uma nova área museológica completamente tecnológica. Orlando Gaspar, arquiteto, avançou que “o novo museu será adaptado às novas tecnologias, uma viagem pela arte e cultura ao nível dos grandes museus internacionais”.

A obra avançará em breve e Cristina Vieira garante que “em poucos meses teremos uma obra que irá orgulhar todos os marcoenses”.

Publicidade

banner-lousada-700x262

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta