Bebé alvo de tentativa de rapto no Hospital de S. João é de casal de Penafiel

Bebé alvo de tentativa de rapto no Hospital de S. João é de casal de Penafiel

Os pais da recém-nascida que foi alvo de uma tentativa de sequestro no último sábado, dia 2 de fevereiro, no Hospital de São João, são de Penafiel. O casal habita na antiga freguesia de Marecos, atualmente integrada na freguesia de Penafiel.

Segundo informações recentemente divulgadas pelo Jornal de Notícias, a suspeita terá vigiado o hospital nos dias que antecederam o crime com o intuito de avaliar qual a melhor altura para levar a cabo o rapto.

Quando ouvida pela PSP, a secretária, de 48 anos, atualmente desempregada, recusou pronunciar-se abertamente sobre o caso, tendo somente revelado que “queria um menino ou uma menina”.

Na altura em que a tentativa de rapto ocorreu, encontravam-se vários familiares da recém-nascida presentes na sala. Em declarações prestadas ao Jornal de Notícias, a avó da bebé afirmou que, por “educação” e por achar que “a nora a conhecia”, acedeu ao pedido da suposta médica para pegar na criança.

Com este episódio a eficácia da pulseira eletrónica utilizada para a segurança dos bebés está a ser colocada em causa.
2 comentários

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

2 Comentários

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.