Município de Amarante recebe pós-graduação em Termalismo

Município de Amarante recebe pós-graduação em Termalismo

O município de Amarante vai receber a pós-graduação em Termalismo, da Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia. Esta iniciativa acontece no seguimento da inauguração recente da estância termal.

Segundo divulgou a autarquia em nota enviada ao Jornal A VERDADE, o início está previsto para o final de fevereiro e e terminará em julho. As aulas irão decorrer às sextas e sábados e haverá ainda a possibilidade de utilização de meios online, durante as aulas, para alunos provenientes de locais mais distantes. A coordenação científica será da responsabilidade de Jorge Mangorrinha e a coordenação pedagógica de José Luís Sousa.

Para o responsável pela coordenação científica, Jorge Mangorrinha, Amarante é uma escolha natural “porque se situa no centro geográfico da área com maior número de estâncias termais (Norte e Centro) e, sobretudo, porque se trata do balneário termal mais moderno e recente em Portugal, dado que é importante para que o ensino esteja na vanguarda do desenvolvimento, e vice-versa. Esta pós-graduação tem um programa verdadeiramente inédito, desde logo, prevendo um Seminário e uma Linha de Investigação intitulados “Termas Criativas””.

Os objetivos desta pós-graduação passam por dotar os profissionais de conhecimentos e competências para o desenvolvimento de atividades em diversas áreas do termalismo, para a promoção da saúde e bem-estar dos indivíduos, e para a potencialização das estâncias termais como recurso económico para as comunidades envolventes.

Detentores do grau de licenciado, ou equivalente legal, numa das seguintes áreas – Saúde, Gestão ou Turismo – poderão ser admitidos. Outros candidatos detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que tenha sido reconhecido, pelo Conselho Técnico-Científico, como atestando capacidade para a realização deste curso, também poderão vir a ingressar.

O município garante ainda que esta pós-graduação conferirá as competências necessárias para intervir em instituições termais, em indivíduos, famílias e populações frequentadores de estâncias termais, bem como na melhoria das comunidades envolventes.

O município de Amarante vai receber a pós-graduação em Termalismo, da Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia. Esta iniciativa acontece no seguimento da inauguração recente da estância termal.

Segundo divulgou a autarquia em nota enviada ao Jornal A VERDADE, o início está previsto para o final de fevereiro e e terminará em julho. As aulas irão decorrer às sextas e sábados e haverá ainda a possibilidade de utilização de meios online, durante as aulas, para alunos provenientes de locais mais distantes. A coordenação científica será da responsabilidade de Jorge Mangorrinha e a coordenação pedagógica de José Luís Sousa.

Para o responsável pela coordenação científica, Jorge Mangorrinha, Amarante é uma escolha natural “porque se situa no centro geográfico da área com maior número de estâncias termais (Norte e Centro) e, sobretudo, porque se trata do balneário termal mais moderno e recente em Portugal, dado que é importante para que o ensino esteja na vanguarda do desenvolvimento, e vice-versa. Esta pós-graduação tem um programa verdadeiramente inédito, desde logo, prevendo um Seminário e uma Linha de Investigação intitulados “Termas Criativas””.

Os objetivos desta pós-graduação passam por dotar os profissionais de conhecimentos e competências para o desenvolvimento de atividades em diversas áreas do termalismo, para a promoção da saúde e bem-estar dos indivíduos, e para a potencialização das estâncias termais como recurso económico para as comunidades envolventes.

Detentores do grau de licenciado, ou equivalente legal, numa das seguintes áreas – Saúde, Gestão ou Turismo – poderão ser admitidos. Outros candidatos detentores de um currículo escolar, científico ou profissional que tenha sido reconhecido, pelo Conselho Técnico-Científico, como atestando capacidade para a realização deste curso, também poderão vir a ingressar.

O município garante ainda que esta pós-graduação conferirá as competências necessárias para intervir em instituições termais, em indivíduos, famílias e populações frequentadores de estâncias termais, bem como na melhoria das comunidades envolventes.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.