Castelo de Paiva deu Bolo-Rei de 27 metros a centenas de pessoas

Castelo de Paiva deu Bolo-Rei de 27 metros a centenas de pessoas

Em dia de Reis, a tradição cumpriu-se em Castelo de Paiva. A população reuniu-se à volta dos 27 metros de Bolo-Rei, patente nas imediações da câmara municipal, para degustar o bolo típico desta quadra festiva.

Foram mais de duas centenas de pessoas que encheram as ruas na última atividade promovida pela autarquia local prevista no programa que iniciou nos primeiros dias de dezembro e contemplou dezenas de iniciativas.

O tradicional Bolo-Rei chamou também pessoas oriundas de concelhos vizinhos. “Vimos ta televisão que ia acontecer e viemos de Santa Maria da Feira para ver o Bolo-Rei de 27 metros”, disse Maria Rosa.

Bolo-Rei reuniu amigos de Santa Maria da Feira até ao Largo do Conde de Castelo de Paiva

No dia de Reis, há quem admita que o bolo típico do dia “tem um gostinho diferente”. “O Bolo-rei está muito bom, oferecer este miminho à população é muito importante, é fora do normal e ajuda ao convívio e a atrair os visitantes”, explicou Maria Rosa.

Fernando Ferreira também veio acompanhar os amigos mas, como é celíaco, não conseguiu provar nenhuma fatia dos 27 metros de bolo. “Esta doença é complicada mas só o convívio já valeu a pena”, confessou.

“Nunca tinha vindo cá neste dia, está muito bom este Bolo-Rei”, salientou Ana Bernardes, habitante em Castelo de Paiva mas que neste dia nunca tinha experimentado degustar da oferta da autarquia. “Estas iniciativas que juntam a população são muito boas, é um momento de felicidade e de convívio, vemos gente que não vimos há muitos anos”, acrescentou.

Ana Bernardes provou o Bolo-Rei gigante e felicitou iniciativa

 

Para o presidente da câmara, Gonçalo Rocha, “esta é uma iniciativa que o povo já toma por habitual”. No entanto, nunca tinha atingido tal tamanho por terras paivenses. “Acho que os 27 metros de Bolo-Rei, um dos maiores que se serve gratuitamente no país, correu muito bem, com muita adesão e diversão”, expressou.

Ao mesmo tempo, salientou o “sucesso desta quadra” que trouxe muitas pessoas a Castelo de Paiva e fomentou o comércio local, “um dos objetivos de se trazer tantas atividades nesta quadra festiva”.

A iniciativa é para manter “porque é um investimento importante” para a localidade. A aposta nas iluminações de Natal foi descrita como “aposta ganha e que alicia a fazer mais e melhor no próximo ano”.

Com o Bolo-Rei a fazer a primeira refeição conjunta em Castelo de Paiva, o autarca afirmou que “2019 será um ano importante pelas novidades que aí se avizinham”.

O Bolo-Rei foi uma iniciativa da câmara municipal

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.