Bombeiros profissionais avançam que vão fazer greve no Natal e no Ano Novo

Bombeiros profissionais avançam que vão fazer greve no Natal e no Ano Novo

No decorrer da manifestação nacional, que aconteceu nesta tarde de dia 4 de dezembro em Lisboa, foi anunciado que os bombeiros vão-se manter em greve durante 15 dias, garantindo que vão iniciar o período a 19 de dezembro e se estenderá até ao dia 2 de janeiro. 

“Deixa arder” foram as palavras mais ouvidas durante a manifestação de hoje. A motivar o protesto estão as propostas do Governo que regulam o estatuto e o regime de aposentação.

Ou seja, a proposta prevê uma carreira unificada para os bombeiros municipais, bem como para os sapadores. Além disto, estão previstas novas tabelas remuneratórias.

Segundo a Agência Lusa, Fernando Curto, presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais, contestou em nome dos bombeiros o facto de não entenderem a unificação de carreira e diminuição do indice salarial, que passa de 890 euros para 600 euros.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.