Marco de Canaveses: Ministério da Educação aprovou financiamento para Artâmega

Marco de Canaveses: Ministério da Educação aprovou financiamento para Artâmega

A secretaria de Estado da Educação reconheceu o contrato patrocínio 2018/2024 para o financiamento da “Artâmega” – Academia das Artes de Marco de Canaveses, tendo já sido publicado na página oficial da DGEstE – Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares.

Cristina Vieira, presidente da Câmara Municipal de Marco de Canaveses evidenciou a sua satisfação relativamente ao resultado. “Trata-se efetivamente do culminar de um trabalho de grande mérito realizado nesta escola de ensino artístico”, constatou.

A autarca marcoense lembrou ainda o trabalho “notável e dedicado” que foi desenvolvido ao longo desta década de atividade e congratulou-se com o sucesso da Academia das Artes, “traduzida num projeto de ensino consolidado e que em apenas uma década de existência, ultrapassou todas as expectativas subjacentes à sua génese, sendo um êxito por todos reconhecido, que terá certamente num curto prazo projeção internacional, com jovens de grande nível profissional alguns dos quais integram, já hoje, projetos de nível e reconhecimento mundial”.

Recorde-se que, nas listas provisórias publicadas em julho, a Artâmega viu-lhe o financiamento ser atribuído, no entanto foi retirado, o que, segundo Carlos Correia, presidente da Artâmega, “provocou uma enorme desilusão”. “Estes resultados agora conhecidos vieram repor justiça no acesso ao ensino artístico por parte das crianças e jovens do concelho do Marco de Canaveses, que desta forma podem frequentar o curso básico de música em regime articulado de forma gratuita”, destacou.

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta