Baião cria Equipa de Intervenção Permanente atribuída aos Bombeiros de Santa Marinha do Zêzere

Baião cria Equipa de Intervenção Permanente atribuída aos Bombeiros de Santa Marinha do Zêzere

 

Os Bombeiros de Santa Marinha do Zêzere vão receber uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP). A novidade foi ontem avançada pela Câmara Municipal de Baião.

A Equipa de Intervenção Permanente vai ser composta por cinco elementos a fim de dar resposta às situações que impliquem uma intervenção imediata de socorro à população, bem como intervir na defesa dos bens da população, aquando da ocorrência de incêndios, inundações ou desabamentos.

O investimento na nova EIP ronda os 60 mil euros e foi realizado por três entidades, a Autoridade Nacional da Proteção Civil, a autarquia local – que cobre metade do montante – e a Associação Humanitária dos Bombeiros de Santa Marinha do Zêzere .

 

A cerimónia foi presidida pelo secretário de Estado da Proteção Civil, José Artur Neves, e contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira.

A cerimónia iniciou com a formatura do Corpo de Bombeiros, onde foram condecorados 36 bombeiros com a medalha de assiduidade e bons serviços da Liga dos Bombeiros Portugueses.
Após receção às entidades deu-se início à sessão solene.

O Comandante do Corpo de Bombeiros, Márcio Vil, e o Presidente da Associação, José Miranda, reforçaram junto do secretário de Estado e do presidente da Câmara Municipal de Baião a necessidade de se criar uma primeira intervenção profissional para o socorro às populações (EIP).

Durante a sua intervenção, Márcio Vil, distinguiu 14 bombeiros pelos seus 29 anos de dedicação à causa social. Foi, também, distinguido o ex. presidente do Conselho Fiscal, Luís Carvalho, com a medalha de serviços distintos.

“é muito mais do que o combate aos incêndios. É de enaltecer, hoje e sempre, e nunca será em demasia, o serviço de prevenção, reconhecimento e vigilância, apoio a múltiplas atividades da
sociedade civil e o garante permanente da segurança prestado diariamente por estes soldados da paz”, salientou Paulo Pereira, presidente da câmara de Baião.

 

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.