Paços de Ferreira: 51ª Capital do Móvel abre portas este sábado

Paços de Ferreira: 51ª Capital do Móvel abre portas este sábado

 

O Parque de Exposições de Paços de Ferreira vai ser palco, de 4 a 12 de agosto, da 51º Capital do Móvel. A inauguração acontece este sábado, dia 4 de agosto, pelas 17h, e contará com a presença do ministro da Defesa Nacional, José Alberto de Azeredo Lopes.

Esta é uma feira que espelha a capacidade criativa e produtiva das empresas da Capital do Móvel. Decorrerá também a mostra exclusiva da cadeira Moon da empresa pacense Horizon47, criada pelo engenheiro Pedro Meireles e produzida em Paços de Ferreira, esta cadeira esconde um sistema de som com cinco colunas, capaz de dar música a uma sala inteira.

A grande novidade é o horário alargado da feira que encerra todos os dias às 23h. Há animação musical diária e uma Feira das Tasquinhas no exterior do Parque de Exposições.  E os mais pequenos não serão, esquecidos, nos dias 4 e 5 de agosto, pelas 18h30, sobe ao palco a ‘Patrulha Pata’.

À semelhança do que aconteceu em abril, a feira terá como mote a natureza. “As cores e materiais naturais invadem cada vez mais os espaços. Tal como hábitos e atividades ligadas à natureza, estão a tornar-se em sinónimo de vida, valor e sofisticação. A acolher os visitantes, teremos um espaço no hall de entrada, projetado por um decorador, dando ênfase ao mobiliário produzido a partir de elementos da natureza, com mais madeira à vista”, explicou Rui Carneiro, presidente da Associação Empresarial de Paços de Ferreira.

Pedro e Ricardo Guedes, embaixadores da Capital do Móvel continuam a ser o rosto da 51.ª edição.

O presidente da AE Paços de Ferreira revelou que “nesta edição da feira, continuamos a apostar nas parcerias, pois acreditamos que a partilha de ideias e conhecimento ajudam a amplificar a força da nossa feira. Não me canso de repetir que precisamos de todos para que o nosso esforço de divulgação nacional e internacional faça sentido e todos devem expor connosco por orgulho e por devoção a um evento que é já uma referência”.

Esta edição traz também novidades no que diz respeito à atribuição dos prémios de ‘Melhor Design’. Cada expositor interessado em participar no concurso deverá selecionar uma das suas peças para avaliação do júri’, das peças concorrentes serão votadas as três melhores. Será ainda atribuído um Prémio do Público, que poderá votar na sua peça favorita através do ‘Facebook’.

“Sabemos, por experiência que o público quer estar mais envolvido na nossa feira e, por isso, temos de ser capazes de oferecer muito mais do que móveis. Não podemos perder a nossa identidade e devemos continuar a apostar na qualidade da nossa oferta, mas este deve ser também um espaço para apresenta novos produtos e conceitos”, acrescentou Rui Carneiro.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.