Armazém da Maxmat em Paredes foi destruído pelo fogo

Armazém da Maxmat em Paredes foi destruído pelo fogo

O armazém de madeiras da Maxmat, em Paredes, foi consumido por um incêndio de grandes dimensões, ontem, quarta-feira. O espaço foi totalmente destruído. A nível humano não se registaram feridos.

Eram cerca das 19h10 quando as chamas deflagraram. Neste horário, a loja estava aberta ao público e tinha clientes no interior. No entanto, funcionários e clientes conseguiram sair do edifício sem ferimentos.

O armazém já estava completamente tomado pelo incêndio quando os Bombeiros Voluntários de Paredes lá chegaram. Mas “a rápida intervenção dos bombeiros impediu que se alastrasse à zona de loja”, revelou o comandante José Morais.

Durante cerca de três horas, estiveram no combate às chamas 54 bombeiros das corporações de Paredes, Rebordosa, Cete, Penafiel, Baltar, Freamunde, Paço de Sousa e Lordelo. No apoio estiveram onze veículos.

paredes - incendio destroi maxmat (1)

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Publicidade

banner-lousada-700x262

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta