Jovem de Freamunde recebeu Prémio Bombeiro de Mérito 2010

Jovem de Freamunde recebeu Prémio Bombeiro de Mérito 2010

 

Maximino Pacheco, de 29 anos, pertencente aos Bombeiros Voluntários de Freamunde, foi o escolhido hoje pelo júri para receber o Prémio Bombeiro de Mérito 2010 da Liga dos Bombeiros Portugueses, patrocinado pela Fundação Montepio, entre as cinco candidaturas apresentadas.

 

 

O bombeiro de Freamunde salvou uma idosa, Maria Fernanda Neto, de morrer queimada no incêndio que destruiu a sua habitação em 20 de Outubro de 2010. A idosa, de 83 anos, encontrava-se encurralada pelas chamas no primeiro andar da habitação quando Maximino Pacheco, ao aperceber-se do facto, a resgatou cobrindo-a com o seu fato de protecção e com o capacete. O marido de Maria Fernanda, também octogenário, foi também resgatado do piso térreo da residência pela mesma equipa de bombeiros. O voluntário de Freamunde ficou ferido durante a operação mas, depois de conduzir a idosa até à ambulância, voltou ao teatro de operações para prosseguir o combate às chamas com os colegas.

 

A Câmara Municipal de Cascais foi a escolhida pelo júri do Prémio para Menção Honrosa – Câmara Municipal, pelo apoio significativo e reiterado garantido às cinco associações de bombeiros voluntários do concelho.

 

 

No domínio da Menção Honrosa – Dirigente Associativo a escolha recaiu em Domingos Tomé, presidente da direcção da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Caneças, concelho de Odivelas, o mais antigo dirigente de bombeiros em exercício no distrito de Lisboa.

 

 

Para a Menção Honrosa – Elemento do Quadro de Comando foi indicado o comandante dos Bombeiros Voluntários de Vila Real – Cruz Branca, Álvaro Gonçalves Ribeiro, pelo facto de há mais de 30 anos servir e dedicar-se de forma exemplar aos Bombeiros Voluntários em geral, e ao seu Corpo de Bombeiros em particular.

 

 

A escolha do júri do Prémio Bombeiro de Mérito 2010, na categoria Menção Honrosa – Personalidade Empresarial ou Empresa, recaiu sobre a Petrogal/Sines, por subsidiar, em permanência e há mais de 30 anos, os Bombeiros Voluntários de Sines através de apoios com incentivos financeiros substanciais em equipamentos de protecção e socorro.

 

 

No âmbito da Menção Honrosa – Personalidade da Sociedade Portuguesa, o júri elegeu, a título póstumo, Veneranda de Castro Martins, por ter legado grande parte dos seus bens aos Bombeiros Voluntários de Freixo de Espada a Cinta.

 

O Prémio e as Menções Honrosas serão entregues aos galardoados numa cerimónia integrada no Dia do Bombeiro Português, que se irá realizar em 29 de Maio, pelas 16h00, na Praça Marquês de Pombal, em Aveiro.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta