GNR deteve mulher em flagrante delito pelo crime de incêndio florestal

GNR deteve mulher em flagrante delito pelo crime de incêndio florestal

O Comando Territorial do Porto da GNR, através dos Postos Territoriais do Marco de Canaveses e de Amarante, deteve em flagrante delito uma mulher de 48 anos e identificou cinco indivíduos, quatro homens e uma mulher, com idades compreendidas entre 58 e 62 anos, pela prática de crimes de incêndio florestal, ontem, dia 8 de maio.

Segundo revelou a GNR, “os suspeitos efetuavam queimas de sobrantes, tendo as mesmas acabado por se descontrolar, o que resultou numa área ardida total de 12 000m2 de eucaliptos, mato e pinheiros”.

A detida foi constituída arguida e sujeita à medida de coação de termo de identidade e residência.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.