Castelo de Paiva em destaque na Bolsa de Turismo de Lisboa

Castelo de Paiva marcou presença na 30ª edição da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, que decorreu de 28 de fevereiro a 4 de março, aque maior feira deste setor em Portugal.

Integrado no espaço da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, o concelho de Castelo de Paiva promoveu os produtos que caracterizam o território e que o ajudam divulgar. Segundo nota enviada à imprensa “além de divulgar o que de melhor por cá se produz, esteve em destaque Castelo de Paiva como destino atrativo para os apreciadores da natureza e dos diversificados desportos que por cá se praticam, e ainda divulgar os eventos que mais dinâmica conferem ao concelho, nomeadamente os festejos de S. João e a Feira do Vinho Verde, que este ano se evidenciam pelos grandes concertos que estão em perspetiva”.

Na participação do concelho na BTL destacou-se, na tarde de sexta-feira, a apresentação do II Festival da Lampreia de Castelo de Paiva e a degustação de iguarias gastronómicas, acontecendo ainda, uma breve apresentação da Casa de Payva, com a realização de uma degustação de produtos regionais, doçaria e prova de vinhos verdes.

Para Gonçalo Rocha, presidente da Câmara Municipal de Castelo de Paiva, que esteve acompanhado pela vereadora com o pelouro do Turismo, Paula Melo, é extremamente importante e crucial, “que Castelo de Paiva possa continuar a mostrar o seu potencial, os seus recursos endógenos”, insistindo na importância “da concretização dos grandes projetos em curso e orientados para os Percursos Pedestres e relacionados para as temáticas dos rios, serra, vinhas e minas, procurando dar a conhecer aos visitantes um conjunto de atividades económicas das gentes paivenses, sempre prontas a receber e a dar o seu melhor a quem nos visita”.

O presidente não esqueceu “o valor e a importância da Rota do Românico e a mais valia que tem para o município e para a região”.

Considerando o setor do turismo essencial para ajudar a alavancar a economia local, o presidente Gonçalo Rocha mostrou-se orgulhoso com mais esta presença de sucesso e destacou que, “outras ações de promoção turística do concelho serão concretizadas no corrente ano”, evidenciando que estas presenças no palco da BTL em Lisboa “são assumidas como oportunidade única e de excelência de mostrar Castelo de Paiva ao mundo, com aquilo que de melhor têm o município”.

O presidente deixou vincada a ideia de que “quando tivermos toda a nossa estratégia turística do ‘Viver o Paiva Douro’ concretizada no terreno, recuperando as nossas raízes e o património histórico, puxando ainda mais pela valorização cultural, potenciando ainda mais as nossas paisagens, a nossa gastronomia de excelência, vinhos, doçaria, produtos locais, artesanato, a nossa marca ‘Casa de Payva’ , a hotelaria, a restauração, o comércio e, concretizada com a ligação da Variante à EN 222 até à A32 em Canedo, vamos ser mesmo muito fortes, não tenho dúvidas…será um desafio que queremos vencer”.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.