Amarante: Ricardo Vieira é o novo presidente do conselho de administração do Externato de Vila Meã

Ricardo Vieira, novo presidente do concelho de administração do Externado de Vila Meã, revelou ao Jornal A VERDADE que o principal objetivo dos novos órgãos sociais passa por mudar alguns princípios de gestão que tinham sido “adulterados” nos últimos anos.

Os novos órgãos socias tomaram posse esta quinta-feira, dia 8 de fevereiro, para um mandato de quatro anos.

Com as mudanças que a direção quer implementar “esperamos que seja possível que os nossos colaboradores venham mais felizes trabalhar, que tenham um desempenho ainda melhor. O que permitirá que o Externato venha a ser novamente uma escola de referência na região”, apontou Ricardo Vieira.

Segundo o presidente, a nova administração colocou “as mãos ao trabalho” para impedir o encerramento do estabelecimento escolar, uma vez que a antiga administração tinha colocado a hipótese do encerramento a 31 de janeiro deste ano. “Teria um impacto brutal em termos económicos na nossa região, levando ao encerramento de muito do comércio que existe em Vila Meã, que algum dele cresceu em função do Externato”, explicou.

Além disso, “não faz sentido que em pleno séc XXI, os miúdos, tendo uma escola a cinco, dez minutos de casa, tenham de perder horas em transportes escolares para outras escolas”, reforçou.

Ricardo Vieira avançou ainda que vai ser realizada uma auditoria aos últimos anos de gestão. “Se forem detetados alguns atos de gestão lesiva para o externato, iremos acionar judicialmente quem os cometeu. Isso é o ponto de honra dos novos órgãos sociais que ontem foram empossados”, disse.

A Verdade
ADMINISTRATOR
PERFIL

Deixar um comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com um *

Cancelar resposta

Apoie o jornalismo de qualidade.
Faça uma doação para este projeto.